Você sabe fazer o Hustle?

21 - outubro - 2009

Ontem eu estava assistindo “Dancing with the Stars”, que por sinal eu amo, e os bailarinos e as celebridades fizeram uma homenagem aos anos 70 dançando o Hustle. Péra aí…Hustle é uma dança? Pois é…Hustle é uma dança…e a música “The Hustle” de Van McCoy, que você deve conhecer, foi feita inspirada nessa dança… agora, que dança é essa? Aposto que você já viu e não sabia que era ela….

Hustle, na verdade, é o nome dado a muitas danças disco dos anos 70. Baseado em danças antigas, como o mambo, o Hustle foi originado em comunidades hispanicas em NYC e na Flórida. Era originalmente uma line dance com um toque de Salsa.

A line dance chamada Hustle se tornou uma febre internacional, seguida pela música de Van McCoy “The Hustle” em 1975. Quando lançada, a música foi ao topo das paradas Billboard e McCoy considerado o maior artista instrumental no mesmo ano.

No filme “Saturday Night Fever”, com Travolta em 77, foi mostrado o Hustle em ambas as suas versões : a line dance e a para casal. Depois do filme vários passos de Hustle surgiram. Até para o filme eles inventaram algo como “tango Hustle” (de acordo com os comentários do DVD). Mas essa popularidade foi morrendo…assim como a febre pelo filme foi também. Hoje em dia o Hustle ainda está presente, agora como uma ballroom dance (poderíamos chamar de dança de salão, em português).

Dançando o Hustle (inglês) ->http://www.lovemusiclovedance.com/dance/hustle-line-dance-video.htm/

Anúncios

Isnt he…..lovely?

7 - outubro - 2009

Uma dessas noites eu estava bleh e sem nada para fazer e decidi procurar músicas que nunca escutei. Não lembro como cheguei a Stevie Wonder. Fui a um site de letras de música e lá achei todos os nomes de todos os cds e músicas de Stevie.(Pausa: começei a procurar músicas de Stevie Wonder porque eu amava uma música que a banda do navio em qual eu trabalhei a 1 mês atrás tocava, e acabou que nunca soube o nome da música, então tentei ir a procura… mas te digo que não achei…ainda  😉 )

Fiquei encantada em saber que o primeiro cd dele é de 1966 e agora mais ainda, descobrindo que o primeiro mesmo foi em 1962. Mas muitas pessoas não sabem disso ou acham que foi o de 66, como mostra o site de letras. O álbum de 62 se chama “The Jazz Soul of Little Stevie Wonder”. Little Stevie Wonder é como ele foi chamado no ínicio…aos 11 anos de idade. Seu verdadeiro nome é Stevland Hardaway Judkins. Vou te dizer que A-M-E-I Stevland! É na “terra do Stev”. Genial, em minha opinião. Agora, penso, será que o Wonder tem haver com “Wonderland”? (Entendeu? Stevland…Wonderland…só queria deixar claro o meu raciocínio 😀 )

Agora um fato que eu estava muito curiosa de saber quando começei a pesquisar as músicas de Stevie naquela noite: como ele ficou cego? Stevie, nascido prematuro, ficou numa incubadora e devido a um elevado nível de oxigênio, ficou cego permanentemente. E para adcionar mais, em 1953, ao ser conduzido a um concerto na Carolina do Norte, um grande toro de madeira caiu sobre o carro em que estava. Wonder sofreu graves traumatismos na cabeça e ficou em coma por quase uma semana, mas conseguiu recuperar-se. Ainda bem!

Você já viu  Stevie sem os óculos? Em um de seus video clips, ele aparece sem eles

Sobre as músicas que achei…algo que achei interessante. Muitos artistas conseguem “sobreviver” no mundo da música por muitos anos, passando assim por diferentes décadas, e cada uma tem sua característica musical diferente. Nas músicas de Stevie, ao longo desses anos todos, essa características de épocas transparecem de mais. Nunca ví isso em nenhum outro artista. Por exemplo, vejamos os Pet Shop Boys. Eles começaram na década de 80. Lançaram um álbum agora esse ano, que por sinal é ótimo, mas você sente aqueles mesmos detalhes que mostram que são os Pet Shop Boys. Mas nas músicas de Stevie voçê escuta uma música de seu album de 1966 e diz que não era ele, mas que principalmente é uma típica música dos anos 60. Mesma coisa com os discos dos anos 70, 80 ,90 e agora, 2000. Você percebe a grande característica das épocas musicais nas músicas. Confesso que achei bem interesante, mas ao mesmo tempo acho que perde um pouco a identidade do artista. Isso tudo  em minha opinião.

Discografia:

  • The Jazz Soul of Little Stevie Wonder (1962)
  • Tribute to Uncle Ray (1962)
  • The 12 Years Old Genius (1963) Motown
  • With a Song in My Heart (1963)
  • Stevie At The Beach (1964)
  • Down to Earth (1966)
  • Uptight (Everything’s Alright) (1966)
  • I was made to love her (1967)
  • Someday at Christmas (1967)
  • Eivets Rednow…Alfie (1968)
  • For once in my life (1968)
  • My Cherie Amour (1969)
  • Signed, Sealed & Delivered (1970) Motown
  • Where I’m Coming From (1971) Motown
  • Music of My Mind (1972) Motown
  • Talking Book (1972) Motown
  • Innervisions (1973) Motown
  • Fulfillingness’ First Finale (1974) Motown
  • Songs in the Key of Life (1976) Motown
  • Looking Back (1977) Motown
  • Journey Through the Secret Life of Plants (1979) Motown
  • Hotter Than July (1980) Motown
  • Original Musiquarium I (1982) Motown
  • In Square Circle (1985) Motown
  • Characters (1987) Motown
  • Jungle Fever (1991) Motown
  • Conversation Peace (1995) Motown
  • Natural Wonder (1995) Motown
  • A Time 2 Love (2005) Motown

Algumas pérolas que achei nas músicas de Stevie:

Hey Love 1967  Graça demais

Keep our love alive Ano não encontrado…música linda

Castles in the sand 1964 do álbum Stevie at the Beach (sabia que ess album deveria ser fofo)

Nothing is too good for my baby 1966   Moito boa

Hold me 1966  Amo

Saturn 1976   Maravilhosa

Love a go go 1966   Tem o beat da “Dancing in the street”… ❤

Visions 1973   Me arrepia

It’s you 1984   Com Dionne Warwick, do filme “The woman in red”

Until you come back to me Versão da música de Aretha Franklin

Ain’t no love 1968  Beat das músicas de Barry White…show

E umas conhecidas que eu nem lembrava que existiam e que só agora ví como são lindas

You and I 1972

All in love is fair 1973

Lately 1980

Não tenho como não deixar de botar a minha preferia, que é uma das coisas mais lindas que já escutei na minha vida (notem o naipe do clip…espetacular!)

Ribbon in the sky

Achei uns audios pela internet e tinha uma cantora com o nome de Lesley Gore. A primeira música que eu achei se  chama Judy’s turn to cry, não conhecia mas gostei logo de cara, e quando fui buscar outra me deparei com a música It’s my Party, e ela é simplesmente fofa demais!!!! Eu já a conhecia, mas não tinha muita noção de quem cantava. E na verdade Judy’s turn to cry é a continuação de It’s my party que certamente é bem conhecid, mas como eu muitas pessoas não faziam idéia de quem a cantava.

Então aí está…

Lesley GoreLesley Gore

Essa música foi gravada quando ela tinha apenas 16 anos.

It’s My Party Tradução

(chorus)
It’s my party and i’ll cry if i want to É minha festa e eu choro se eu quiser
Cry if i want to Choro se quiser
Cry if i want to Choro se quiser
You would cry too if it’s happened to you
Vc também choraria se fosse com vc
Nobody knows where my johnny has gone Ninguém sabe onde meu Johnny foi
But judy left the same time Mas Judy saiu ao mesmo tempo
Why was he holding her hand Porque ele estava segurando sua mão
When he’s supposed to be mine Quando era para ser a minha?
(chorus) (refrão)
Play all my records keep dancing all night Tocamos todos os discos, dançamos a noite toda
But leave me alone for a while Mas mal tivemos tempo
‘till johnny’s dancing with me Até Johnny dançar comigo
I’ve got no reason to smile Eu não tenho motivos para sorrir
(chorus) (refrão)
Judy and johnny just walked through that door Judy e Johnny acabaram de entrar
Like a queen with her king Como uma rainha com seu rei
Oh what a birthday surprise Oh isso que é um aniversário surpresa
Judy’s wearing his ring Judy ganhando seu anel
(chorus) (refrão)

E a continuação…  Judy’s turn to cry